Faça parte da nossa comunidade. CADASTRE as suas ATIVIDADES GRÁTIS!
Na Smartkids você consegue classificar todas as suas atividades alinhadas à BNCC.

Poeta é aquele que faz versos, que escreve poesias. 

Dia do poetaA poesia, ou gênero lírico, ou lírica é uma das sete artes tradicionais, uma forma de linguagem. A poesia é uma linguagem verbal criativa. Uma arte de escrever em versos. Uma forma de se expressar e transmitir sentimentos, emoções e pensamentos.

Antigamente, as poesias eram cantadas, acompanhadas pela lira, um instrumento musical muito comum na Grécia antiga. Por isto, diz-se que a poesia pertence ao gênero lírico.

Toda poesia é formada por versos , que são linhas de um poema. Eles têm que ter efeitos sonoros, além de apresentar unidade que tenham sentido.

Os versos estão organizados em grupos chamados de estrofes, que por sua vez são formados pela mesma métrica, ou seja, pelo mesmo conjunto de regras que dirigem a medida, o ritmo e a organização do verso, da estrofe e do poema como um todo.

As rimas são fundamentais em uma poesia. Você já deve ter ouvido falar nelas, pois aparecem nos sons finais, que são iguais em duas palavras, como por exemplo,  a sa , ca sa ou em A na baca na.

Outro elemento importante dos versos é o ritmo que é a sucessão de tempos fortes e fracos que se alternam com intervalos regulares em uma estrofe. Ele é estabelecido pela entonação de sílabas fortes e fracas ao longo da poesia.

Veja como os versos podem se organizar:

Posição na estrofe

Cruzada ou alternada: o primeiro verso rima com o terceiro, e o segundo com o quarto:

Interpolada: o primeiro verso rima com o quarto, e o segundo com o terceiro:

Quanto à tonicidade

Agudas : quando rimam palavras oxítonas ou monossilábicas: a/mor e com/por; a/mém e Be/lém.

Graves: quando rimam palavras paroxítonas: an/ta e man/ta; qui/os/que e bos/que.

Esdrúxulas: quando rimam palavras proparoxítonas: má/gi/co e trá/gi/co; li/ri/co e o/ní/ri/co.

Quanto à sonoridade

Perfeitas: há uma perfeita identidade dos sons finais: festa e manifesta – cedo e medo.

Imperfeitas: quando não há uma perfeita identidade dos sons finais – céu e breu; sais e paz.

Consoantes: quando há os mesmos sons a partir da última tônica – perto e incerto; dezenas e apenas.

Toantes: quando só há identidade com a vogal tônica do verso – terra e pedra; vela e terra.

Quanto ao valor

Pobres: quando rimam palavras da mesma classe gramatical – amor e flor; meu e teu.

Ricas: quando rimam palavras de classes gramaticais diferentes – festa e manifesta; cedo e medo.

Poesia Concreta:  a poesia divertida  

Viram que interessante? As palavras podem formar figuras! Esta é a poesia concreta!

Confira algumas poesias de grandes poetas que fizeram história.

– Carlos Drummond de Andrade
– Cecília Meireles
– Fernando Pessoa
– Manuel Bandeira
– Mario Quintana
– Vinícius de Morais

Dicas de Atividades

Que maravilha preparar uma aula sobre poesias! Melhor ainda se você estimular seus alunos a escreverem suas próprias poesias… Clique aqui para iniciar o assunto, utilize as poesias que preparamos, assim seus alunos vão entender como as poesias são construídas. Depois, você pode utilizar as dicas do site Oficina de Poesias para estimular seus alunos a escrever.

É importante que os alunos conheçam os principais poetas nacionais, e para isso você pode orientar uma pesquisa sobre a biografia desses autores e, para apresentar os resultados, poderá organizar um sarau em que os próprios alunos declamarão os poemas.

Deixe uma resposta

Digite uma palavra-chave ou diretamente o código BNCC.

Utilizamos cookies para garantir que oferecemos a melhor experiência em nosso site e para personalizar anúncios. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.